A sessão dos Serões Literários das Cortes do dia 9 de Janeiro último, na Casa-Museu João Soares, teve como tema “Vanguardas literárias – o que são e para que servem”. A ideia, como aqui referimos, foi conversar a propósito desta matéria para aquilatar da importância ou do interesse de ler o “novo” ou menos badalado... E voltaram a ver-se excelentes contributos, uns irónicos, outros indagadores, outros explicativos, enfim, todos eles manifestando alguma postura perante o assunto.


Leia esta reportagem completa na edição em papel do JORNAL DAS CORTES n.º339, de Fevereiro de 2016.