regatadejangadasweb

Gastronomia foi o mote para a décima primeira edição da Regata de Jangadas, que invadiu o Rio Lis na tarde de 7 de Setembro. Até então não houve edição que não fosse um pouco regada ou que não tivesse petiscos nas jangadas, mas este ano o Centro Popular de Cultura e Recreio das Cortes quis reforçar a presença do tema também na elaboração das próprias jangadas.

Um tema abrangente que dá asas à imaginação e que realça o que de melhor se faz nos lugares da antiga freguesia e arredores.

Das várias dezenas de participantes que fizeram desfilar 23 jangadas resultaram sopas, panelas, as tradicionais Brisas do Lis, bifanas, petiscos, imitações de programas de televisão, ironias políticas à volta de uma mesa, e até representações de restaurantes bem conhecidos da zona. Tudo, claro, com vinho ou cerveja e petiscos a acompanhar.

Várias foram as centenas de pessoas que quiseram estar presente nesta tarde, que preencheram as bancadas e as margens de terrenos agrícolas ao longo do percurso feito pelos participantes.

Uma brincadeira que começava na zona do Restaurante Moinho do Rouco, dava o ar da sua graça na rampa à frente da fábrica Trigojasmim, especialmente quando as construções se desmontavam ou a juventude caia à água, e terminava na meta ao lado do Restaurante A Nora, apesar de muitos terem insistido em voltar para trás, para perto da rampa, para ver os colegas e estar mais perto do público.

Luís Neto, presidente do CPCRC, considera que o evento “superou as espectativas”, tendo havido grande adesão por parte dos participantes e do público. À semelhança dos anos anteriores, a organização aproveitou o momento para chamar à atenção a população para um recursos mais valiosos da zona, o rio, e para a necessidade e importância “de preservar o meio ambiente”.

“Vários meses de trabalho” foi o necessário para que se realizasse esta tarde de diversão, sublinha Luís Neto. Começa sempre com os pedidos de licenças e autorizações, depois é necessário conseguir patrocínios, compor o júri (“que é autónomo”) e começar a fazer a parte logística do evento. A preparação e limpeza do rio foi feita por vários voluntários que ajudaram a associação, mas fica um lamento por parte do presidente, uma vez que foram também várias as entidades ligadas ao meioambiente que se alhearam ao evento.

A direção da associação agradece a quem se voluntariou para colaborar com a iniciativa e à extensa lista de patrocinadores e parceiros de divulgação.

 

Veja as fotografias AQUI.

 

Leia esta notícia na íntegra na edição número 323 do Jornal das Cortes, de 4 de Outubro de 2014.

 


capa_marc.jpg

A edição em linha do Jornal das Cortes é actualizada a partir do dia 15 de cada mês.

 

Assine já o Jornal das Cortes ao clicar AQUI!

NÃO FALTE!

CBrisas.jpg

Agenda de eventos

March 2017
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
mobilWEB.jpg