Imagem1Tudo o que precisa de saber sobre este assunto.

Basta clicar em "Continuar".

 

 

 

 

O que é?

A escoliose é uma deformação morfológica tridimensional da coluna vertebral.
Vista por trás, a coluna vertebral como um todo deve estar alinhada na vertical, ou seja, se olhar para uma pessoa de costas, esta não deve apresentar qualquer curvatura. A escoliose verifica-se quando, de costas, há um desvio da coluna para um dos lados, sendo que essa curvatura poderá orientar-se para a direita ou para a esquerda e variar em gravidade desde muito leve e quase impercetível a grave
A classificação da escoliose pode ser feita quanto à forma da curva: curva simples, sendo esta à direita ou à esquerda (escoliose em "C"), ou, curva dupla, (escoliose em "S"). Lembrando que a direção da curva é sempre identificada pela convexidade da coluna.


Como aparece?
Na maioria dos casos o aparecimento da escoliose é gradual e indolor. Contudo, esta pode originar dor leve e desequilíbrios musculares. Quando se torna mais severa, pode provocar alterações mais visíveis. Isto ocorre quando a coluna vertebral sofre uma curvatura mais acentuada para o lado, puxando as inserções musculares e/ou ligamentares.
O diagnóstico clínico é realizado por um médico, de preferência um especialista em Ortopedia, depois deste deve ser feito o diagnóstico funcional por um Fisioterapeuta especialista em correcção postural. Uma boa avaliação, incluindo uma história clínica e exames imagiológicos complementares da coluna vertebral, são necessários para ajudar o diagnóstico de uma escoliose. A escoliose é geralmente percetível quando a pessoa que a possui se baixa, inclinando o tronco para a frente, notando-se que um dos lados do tronco fica mais elevado que o outro. A confirmação do diagnóstico pode ser feita através de um raio-x à coluna que irá permitir medir o grau da curvatura.
Em suma, o prognóstico vai depender do grau da curvatura escoliótica e das suas complicações. A escolha do tratamento irá depender de factores como a idade da pessoa, se esta está em fase de crescimento, a gravidade da curvatura, a localização exacta da escoliose e a probabilidade de que ela pode vir a agravar. Tendo em conta todos estes factores será possível definir qual o melhor tratamento a ser aplicado: se Fisioterapia pelo método de Correcção Postural, uso de coletes (bons resultados quando associado à Correcção Postural) ou intervenção cirúrgica.
Em todos os casos de escoliose, é importante um diagnóstico precoce e uma avaliação clínica e radiológica completa do paciente. A avaliação postural faz parte da avaliação clínica, sendo de fundamental importância para o diagnóstico. Nela, o examinador compara os dois lados de cada individuo, visto de frente, por trás e de lado, observando possíveis diferenças e assimetrias.

Qual é o melhor tratamento?
O método mais procurado e com mais sucesso no tratamento da escoliose é sem dúvida a Fisioterapia. As técnicas de Correcção Postural realizadas por fisioterapeutas especializados, têm como objectivo restabelecer a funcionalidade e flexibilidade normais da coluna. Este método tem uma visão global do individuo corrigindo todas as compensações provocadas pela escoliose, fixando uma nova consciência do esquema corporal, redirecionando para a normalidade, aliviando e eliminando as dores com eficácia.
Cuide de si!


capaJulho.jpg

A edição em linha do Jornal das Cortes é actualizada a partir do dia 15 de cada mês.

 

Assine já o Jornal das Cortes ao clicar AQUI!

NÃO FALTE!

fONTES2017.jpg

Agenda de eventos

June 2017
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
FARMACIACASTELAweb.jpg