Durante mais de 20 anos, o senhor António Neto foi o sacristão da nossa paróquia. Uma vida ao serviço da comunidade, muita vezes sem que esta disso se apercebesse. Foram dias e horas passados dentro da nossa igreja paroquial, no silêncio e em conversas muito pessoais e íntimas com Aquele que tudo conhece e tudo sabe.

Antonio NetoO senhor António, era feito para o cargo: discreto, simples, humilde, meticuloso e sobretudo muito consciente do valor do trabalho que tinha em mãos.
Os anos passaram e o homem foi envelhecendo… Mas não seria por isso que algum dia deixaria o cargo. Só com a quebra das forças isso poderia acontecer. E foi o que aconteceu. Desde o início do ano, o senhor António tem andado às voltas com uma das suas pernas que é teimosa e quer dizer-lhe que deve parar.

Será sua amiga, ou será o seu carrasco?! Só Deus sabe. Sujeito a uma operação, o senhor António está agora em convalescença. E enquanto espera as melhoras, que hão-de vir, decidiu que deveria entregar as chaves daquela que foi a sua segunda casa. Quis assim dar a outro a possibilidade daqueles encontros com Aquele amigo que tudo sabe e tudo vê.

Desde o dia 9 de Maio, terminadas as festas da Sra da Gaiola, o senhor António deixou o cargo de sacristão, com pena dele e com muita pena nossa. A paróquia deve-lhe um obrigado grande e sincero. Quis fechar a porta devagarinho para que ninguém se assustasse, mas obviamente nós todos vimos e não deixamos.

Oportunamente teremos ocasião para o demonstrar. Para já o lugar está vago e da torre da nossa igreja gritamos aos quatro cantos da paróquia:

MUITO OBRIGADO SENHOR ANTÓNIO!