São mais de 549 mil euros para uma nova extensão de saúde e mais de 300 mil euros para a requalificação urbana da zona central das Cortes.

Os investimentos, financiados maioritáriamente por fundos europeus, mas também pelo Município, partem de um trabalho conjunto entre a Câmara Municipal de Leiria e a Junta da União de Freguesias.

As obras deverão começar ainda este ano e têm um prazo de execução de 180 dias.

Os projectos estão feitos, foram aprovados pela Câmara Municipal de Leiria e o prazo para a entrega das propostas das empresas a estes concursos públicos termina este mês.

São dois projectos distinto mas que no fundo se complementam e que no total representam um gasto superior a 850 mil euros: cerca de 549 mil euros de base para a construção da nova extensão de saúde e 300 mil euros de base para a requalificação urbana da zona central das Cortes, à volta da Quinta da Cerca.


Centro de Saúde

O investimento na nova extensão de saúde é “o resultado da necessidade das Cortes ter um espaço de saúde digno e construído para esse fim”, justifica o executivo da Junta.

Os últimos anos o serviço tem sido prestado em instalações provisórias, num edifício da antiga adega cooperativa, depois de ter saído do primeiro andar do edifício da Quinta da Cerca. Agora há finalmente "um projecto pensado para o efeito e já a pensar no futuro".

O novo espaço será construído no terreno da Câmara Municipal de Leiria que fica entre o edifício da Quinta da Cerca e a Estrada Principal.

Terá mais do dobro do espaço das instalações utilizadas agora e albergará sanitários públicos. Será todo feito num único andar, para evitar congestionamentos de mobilidade, terá áreas de arrumos, salas de espera, três gabinetes médicos e dois de enfermaria.

Um gabinete a mais para um médico e um gabinete a mais para um enfermeiro uma vez que “nas Cortes ainda existem muitos utentes sem médico de família e, por isso, serão criadas as condições para a possibilidade do Ministério da Saúde solucionar esse problema”.

 


Centro das Cortes

“Disciplinar o trânsito e dar dignidade à entrada das Cortes” são os grandes objectivos para o segundo projecto, de requalificação urbana do centro cortesense.

A área em questão é a envolvente da Quinta da Cerca, incluindo essa zona cimentada, o terreno que se estende até à estrada, onde antigamente eram os caixotes do lixo e as vacadas, e as duas estradas que circundam a zona, junto à fábrica e entre o edifício e o polidesportivo.

“A zona é quase um ex-libris da freguesia, é muito procurada até por visitantes e por isso achamos ser merecedora de uma melhoria”, justifica o presidente da Junta.

Por poucas palavras consiste em: tornar pedonal a estrada junto à fábrica e abrir a outra nos dois sentidos, criar espaços verdes com parque infantil e máquinas de ginásio ao ar livre, organizar o estacionamento, dar uma nova função à casa onde era o jardim de infância e agora é a casa mortuária, criar um espaço com condições para uma paragem do Mobilis e fazer uma rotunda na estrada principal, junto ao corte para a Barreira.

O valor base é cerca de 300 mil euros, comparticipados pela Câmara Municipal de Leiria e que incluem as verbas que seriam atribuídas às Cortes em 2015 e 2016 para arruamentos.

 


Leia esta notícia completa na edição em papel do JORNAL DAS CORTES n.º346, de Setembro de 2016.


 


capaJulho.jpg

A edição em linha do Jornal das Cortes é actualizada a partir do dia 15 de cada mês.

 

Assine já o Jornal das Cortes ao clicar AQUI!

NÃO FALTE!

fONTES2017.jpg

Agenda de eventos

September 2017
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
medicortesweb.jpg