É uma imagem comum e antiga comparar-se a vida a uma longa viagem. Como qualquer outra teve um início e tem uma meta. O percurso percorrido, de mais ou menos anos, é composto de momento altos e momentos baixos, há dias de alegria e dias de tristeza, horas de sorte e horas de azar. No seu todo esta variedade traz consigo o sabor e a satisfação (ou a revolta) em relação à vida.
A liturgia da Igreja desenvolve-se a partir desta conceção itinerante do crente. Ou seja, o ano litúrgico apresenta propostas e desafios que se cruzam com esta ideia de uma caminhada do menos para o mais, da origem para o fim. Uma corrida ou uma maratona, para a qual todos somos convocados e que todos queremos vencer. Neste capítulo, S. Paulo declara que é legítimo e até obrigatório que cada um corra o mais que pode e sabe e é permitido querer chegar em primeiro.
Desde o dia 11 de Fevereiro o percurso que atravessamos tem um nome: Quaresma. Trata-se de uma etapa com caraterísticas muito próprias e peculiares. Será porventura a etapa mais difícil da caminhada!? Talvez sim e talvez até que não. O importante é percebermos que se trata de uma etapa com desafios singulares, todos eles convergentes num mesmo sentido: a conversão. Conhecer bem o sentido desta etapa ajuda a apetrechar-se adequadamente para ela. Neste sentido há na nossa mente uma visão demasiado ritualista que muitas vezes nos faz esquecer o sentido da Quaresma, para enveredarmos numa série de experiencias interessantes mas que nem sempre são orientadas para o desafio principal.
Estamos ainda no início e até que cheguemos ao fim da etapa, que ainda não é o fim da corrida, é sempre tempo para reorientar a bússola, não se dê o caso de nos perdermos por completo e não chegarmos à meta.
Uma boa quaresma, com compromissos sérios, verdadeiros e capazes de uma verdadeira conversão.


capa_nov.jpg

A edição em linha do Jornal das Cortes é actualizada a partir do dia 15 de cada mês.

 

Assine já o Jornal das Cortes ao clicar AQUI!

NÃO FALTE!

Sem imagens

Agenda de eventos

December 2017
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
geometriadomovelweb.jpg