No verão, fazer fogueiras ou queimadas é um erro, é proibido e pode ter consequências incalculáveis e irremediáveis.

Muito importante também é termos o terreno em volta da nossa casa limpo.

A proibição de fumar, fazer lume, fogueiras, queimadas, queimar resíduos e lançar foguetes, nas zonas agrícolas e florestais, entrou em vigor no início do mês de Junho e vai até Setembro.

Não podemos pensar que fazer uma simples fogueira no nosso quintal, para queimar uns tantos paus e ervas secas que se acumularam num pequeno monte, é um ato inofensivo e que não prejudica ninguém. Basta um pequeno remoinho de vento, daqueles que nós conhecemos tão bem, que surgem do nada mas que têm origem na própria fogueira que estamos a fazer, para elevar a dezenas de metros de altura fagulhas que vão cair uma dezena de metros ao lado, num terreno com feno ou mato, secos, para darmos origem a uma pequena fogueira de dimensões e consequências incalculáveis.

A própria lei também estabelece para determinadas áreas florestais, consideradas de risco, a proibição de acesso, a circulação, a permanência e a execução de trabalhos com recurso a maquinaria. Além disso, também os proprietários ou utilizadores de casas em espaços rurais são obrigados a manter uma faixa de 50 metros de terreno limpo em redor das habitações. 

Ou seja, devemos cuidar dos nossos espaços que estão perto de habitações, nossas ou dos outros, assim como devemos solicitar aos nossos vizinhos que limpem os terrenos em volta da nossa casa. Para uma melhor proteção e prevenção de incêndios torna-se importante que todos os acessos, quer junto das habitações quer dos caminhos florestais, estejam desimpedidos de modo a facilitar a circulação dos meios de socorro. Não basta termos a preocupação de amanhã limpar ou desimpedir, é importante que neste período critico, todos os acessos estejam sempre desimpedidos porque o fogo não nos avisa quando chega.

Estamos a entrar num período crítico, com muito calor, com os fenos e os matos secos, em que o deitar uma "beata" de cigarro para uma valeta (mesmo que pareça apagada), ou um simples vidro, sobre erva seca, exposto ao sol, pode destruir em poucos minutos o trabalho de uma vida.

Tome a iniciativa, não faça fogueiras, avise os outros para não as fazer, limpe os seus terrenos em voltas das habitações, assim poderemos apreciar um verão com mais calma e em paz. 

Em caso de emergência ligue 112 ou 244 813 033 (Bombeiros de Leiria)


capa_abril.jpg

A edição em linha do Jornal das Cortes é actualizada a partir do dia 15 de cada mês.

 

Assine já o Jornal das Cortes ao clicar AQUI!

NÃO FALTE!

agenda_trilhosloucos.jpg

Agenda de eventos

May 2017
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
mobilWEB.jpg