Durante mais de três décadas, e como complemento do meu percurso profissional, fui membro de três poderosos sindicatos que praticamente regulavam toda a actividade dos trabalhadores ligados à indústria naval canadiana e americana. Estas organizações, todas diferentes e com muitos milhares de membros, tinham os mesmos objectivos em comum como defender os interesses dos seus membros, preservar a sua independência frente a qualquer força política ou partidária e trabalhar sempre no sentido de manter aberta a via do diálogo entre sindicatos e patrões, para dar a todos uma estabilidade necessária para executarem os compromissos laborais com mais eficiência.

Ler mais...

Carrego alguns anos, ainda não dois carros, nem sei se chegarei a tantos, e, contudo, não me lembro de promessa mais saborosa, todavia difícil – ou impossível – de cumprir. Porém, vindo a promessa donde vem, o seu incumprimento nem é facto de espantar. Espantará apenas os incautos. De resto, é mais uma promessa de político. E a gente já sabe o que isso é. Mesmo as criancinhas, que já acreditam mais depressa no Pai Natal do que nos políticos todos, os de antes de Passos, os com Passos e já começam a ter a certeza que mesmo os de após Passos prometerão do mesmo enganoso modo.

Ler mais...

A democracia teve a sua origem na Grécia. Um dos pilares que sustenta os fundamentos da nossa civilização. Mas como em tudo, os homens foram adulterando  de acordo com os seus interesses, muitos deles subterrâneos e contrários aos interesses do povo.
A democracia em que vivemos não é uma verdadeira democracia. É uma ditadura dos partidos e do poder económico. Esta democracia não passa duma farsa.

Ler mais...

“O bom, o mau e o vilão” é o título de um filme de cowboys que descreve a história de três aventureiros que nas terras sem lei do oeste americano desenvolvem a sua acção: o bom e herói principal do filme tinha um critério mais honesto, o mau não tinha escrúpulo nenhum em enganar até os próprios amigos, e o vilão bastava ver uma simples moeda de ouro a brilhar para perder a razão e atraiçoar qualquer pessoa para ficar com o vil metal.

Ler mais...

José Manuel Soares, para muitos, e em Pinhel agora também, o Mestre José Manuel Soares, pintor, não de paredes, que também pintou algumas, mas com a mesma arte, nasceu em São Teotónio, Odemira, Alentejo, província da qual pintou paisagens agrestes e secas ou doces de ribeiros, pormenores da duríssima vida rural, ou monumentos históricos, as que vendeu, vendeu, as que não quis vender estão agora, não em Odemira, mas em Pinhel.

Ler mais...

A decisão do Primeiro-Ministro Inglês de não apoiar a candidatura do Sr. Juncker para Presidente da Comissão Europeia, foi um sinal muito significativo para mostrar que o Reino Unido, não está interessado em continuar a apoiar as mesmas políticas emanadas de Bruxelas, com as quais a União Europeia não tem conseguido resolver os problemas que lhe tem surgido por a frente, existindo hoje uma necessidade imperiosa de substituir o peso autocrático, por mais realismo e melhor integração.

Ler mais...
Sem imagens

Agenda de eventos

November 2018
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Assine o Jornal das Cortes AQUI!

Por apenas 15€ por mês (nacional) ou 25€ (estrangeiro)

geometriadomovelweb.jpg