Nov2018 Manuel

 

Tem escrito
uma história de vida que provavelmente poucos conhecem.
À frente dos
destinos do
Grupo de Famalicão,
Manuel Clemente trabalha em moldes, adora Karaté e já trabalhou na noite.

__________________________

Rui Cordeiro
Patrícia Carreira Gonçalves

 

Aos quatro anos foi para França. “E gostava bastante daquilo”, esclarece logo. Jogava à bola, delirava com as brincadeiras na neve, ia à escola e ajudava o pai nos diversos trabalhos que tinha. No entanto, era quando vinha a Portugal de férias que tinha a liberdade toda, encontrava os amigos e podia ir para o rio: “era uma festa para a canalha”, confessa a rir. “Lá fiz o curso de torneiro, que dá a equivalência ao 9.º ano e ainda trabalhei”, conta. Manuel Vieira Clemente regressava pouco depois, aos 17 anos, para a terra que o viu nascer e de onde não voltou a sair: Famalicão. Nascido a 23 de Julho de 1962, filho de Manuel Clemente e Maria Vieira tem duas irmãs, a Amália e a Rosairita.
“Os meus pais quiseram vir embora e eu quis vir para Portugal, claro, porque vinha com a ideia que tinha de Portugal nas férias… Mas, se calhar, nos primeiros anos arrependi-me”, explica. 

 


"Rostos com História" completo na edição em papel do JORNAL DAS CORTES n.º372, de Novembro de 2018.

 


 


Sem imagens

Agenda de eventos

June 2019
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Assine o Jornal das Cortes AQUI!

Por apenas 15€ por mês (nacional) ou 25€ (estrangeiro)

mobilWEB.jpg